Doenças em idade escolar

7 de abril de 2022
Compartilhe:

A idade escolar, sobretudo os primeiros anos, deixam as crianças mais propensas a determinadas doenças. A vacinação é o maior meio de prevenção!

Em praticamente todos os estados as aulas já retornaram e, com toda essa movimentação, os pais devem ficar atentos a saúde de seus pequenos. A idade escolar é uma das fases em que se existem maiores chances de pegar determinadas doenças.

Algumas doenças são comuns, mas podem ser diretamente prevenidas com vacinação. Surpreso? Pois bem! Nas próximas linhas vamos compartilhar com você quais são as doenças que mais atingem as crianças em idade escolar e como elas podem ser prevenidas. Vamos lá?

Vacina como maior forma de prevenção de doenças em idade escolar

Antes de falar sobre as doenças, propriamente ditas, nada melhor do que lembrarmos um velho ditado: “é melhor prevenir do que remediar”. E, quando falamos em prevenção, não existem melhor opção do que a vacinação de nossas crianças.

A pediatra Sônia Guerreiro afirma: “é algo fundamental, assim como a amamentação. Porque ambos aumentam as defesas das crianças contra doenças e elas desenvolvem mais resistência”. 

Inclusive, ela pontua que as crianças que estão iniciando a idade escolar, normalmente, estão com a imunidade em desenvolvimento. Por isso, essas são as mais suscetíveis a adoecerem ainda nas primeiras semanas de aula.

Então, entra em cena as vacinas, que permitem a prevenção, controle, eliminação e erradicação de doenças imunopreveníveis. Além disso, elas colaboram diretamente para a redução da mortalidade infantil em diversos casos.

Atualmente, a rede pública de saúde conta com 19 vacinas presentes no Calendário Nacional de Vacinação. Para cada faixa etária existem vacinas específicas, sendo algumas delas essenciais para uma infância e vida saudável.

 

Quais doenças em idade escolar podem ser prevenidas?

Catapora (varicela)

A catapora é uma doença infecciosa altamente contagiosa, causada pelo vírus Varicela-Zoster. O mesmo atinge, sobretudo, crianças, causando manchas vermelhas e bolhas pelo corpo, acompanhadas de coceira. Outros sintomas, como mal-estar, cansaço, dor de cabeça, falta de apetite e febre também podem ser sinais de catapora.

A transmissão acontece por meio do contato com as bolhas, tosse, espirro, saliva ou objetos contaminados. A prevenção é por meio de vacina.

Caxumba

A caxumba é uma infecção viral aguda e contagiosa, na qual tem como característica principal o inchaço e dor nas glândulas salivares. A doença atinge, de forma mais comum, crianças em idade escolar e adolescentes. 

O contágio ocorre por via aérea, disseminação de gotículas ou contato direto com a saliva da pessoa infectada. Também pode ser prevenida com vacinação.

Coqueluxe

Também prevenível por vacina, esta é uma patologia infecciosa aguda, causada pelo bacilo Bordetella pertussis. A doença atinge especificamente o aparelho respiratório, incluindo traqueia e brônquios. Sua transmissão acontece pelo contato direto com a pessoa doente e secreções eliminadas por tosse, espirro ou fala.

Os sintomas mais comuns da doença, são:

  • Mal-estar geral;
  • Corrimento nasal;
  • Tosse seca;
  • Febre baixa.

Diarreia por rotavírus

O rotavírus é um dos principais causadores de diarreia grave em crianças em idade escolar, em especial, menores de cinco anos. Além da diarreia, a doença pode apresentar vômito e febre insistente. Então, a mesma é transmitida via fecal-oral, o que engloba contato pessoa a pessoa, ingestão de água e alimentações contaminados, e toque em objetos infectados. A vacina é oral, sendo a maior forma de prevenção.

Difteria

Causada pela bactéria Corynebacterium diphtheriae, a difteria é uma doença transmissível aguda e toxi-infecciosa. Assim, a mesma se aloja nas amígdalas, faringe, laringe, nariz e, em alguns casos, nas outras mucosas do corpo. Seu contágio é feito por contato direto com o doente e por gotículas de secreção.

A doença pode ser evitada com vacinação. Entretanto, seus principais sintomas são dor de garganta, membrana grossa e acinzentada cobrindo as amígdalas e gânglios no pescoço inchados.

Enfim, viu só quantas as doenças que podem atingir as crianças em idade escolar? Por isso, reforçamos: a prevenção é o melhor e maior remédio. 

Patrícia Ruiz – COREN – SP 226-788 – Enfermeira Responsável Técnica. Concluiu a graduação de Enfermagem em 2009 na universidade UNIP – Sorocaba. Atua desde 2017 no Dr. Vacina.

FONTE

Volta às aulas: vacinação em dia é eficaz para prevenir doenças. Governo do Ceará. Consultado em 10 de fevereiro de 2022.

Vittrin
Vittrin

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since.

Receba em primeira mão novidades do mundo da moda, descontos, tendências e muito mais!

    Para otimizar sua experiência durante a navegação, fazemos uso de nossa Política de Privacidade. Para proteger seus dados pessoais respeitamos nossa Política de Privacidade. Ao seguir com a navegação e visita, você concorda com nossas Políticas.